Evangelizando com Amor

Evangelizando com Amor

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Lei de Adoração

Explicar que quando queremos ou precisamos conversar com Deus temos uma maneira muito especial que se chama prece.

Exemplo de um momento:
Em uma caixa fechada, acender, discretamente, uma lanterna dentro e perguntar à turma o que aconteceu. Qual a diferença entre a caixa antes e depois...
Frisar que a luz acaba com as sombras, com a escuridão. Como o brilho do luar... E que a prece/oração nos ilumina a alma, clareando nossa mente. Para que tenhamos o Espírito iluminado, devemos fazer nossas preces e procurar fazer o bem.

Uma outra atividade bem interessante de uma evangelizadora chamada Dani, acredito que postada no site do CVDEE, se não for, por favor, me avisem:


atividade é a seguinte.
Primeiro montar com cartolina um modelo de telefone " daqueles antigos" e com barbante fazer o fio e colar com cola quente. Na sala de aula simular várias ligações com o barulhinho do telefone (trinnnnnnnnnn trinnnnnnnnnnn) enquanto isto, todos em silêncio aguardam o coleguinha que iria ser indicado para atender ao telefonema. Assim, com a mão indicasse quem irá atender a ligação e é começada a brincadeira.
" Alô, quem fala? É o Vitor Hugo tia. Vitor Hugo, tudo bem com você? Sabe Vitor Hugo, outro dia eu estava na escola e um amiguinho meu falou que a mamãe dele estava doente e que ele havia feito uma prece para que ela ficasse boa. Como eu não sei o que é Prece e sei que você freqüenta a escola de evangelização achei que você poderia me explicar"
Ai a criança passa a explicar com a mão no ouvido simulando que estava falando ao telefone aquilo que ele sabia sobre a prece e as demais querendo ser a próxima, ficam em silêncio aguardando a vez do telefone tocar para ela.
Depois de muita brincadeira, passa-se a explicar e a fazer comparações com o aparelho e a prece, deixando bem claro que quando alguém faz uma ligação outra pessoa atende, pois a mensagem é transferida pelo fio do telefone. Assim também seria a prece, nós seriamos o aparelho, o pensamento o fio do telefone e os espíritos aqueles que atenderam a ligação.


Em nossa certa fizemos a seguinte atividade:

Levamos as crianças ao ar livre e demos a cada uma copinhos com água e sabão para fazer bolinhas.
Explicamos que a prece não precisa ser decorada, mas sim de coração, feita com amor, assim ela chega até Deus...como a bolinha de sabão. Vamos imaginar tudo o que queremos falar com Deus e aí colocamos dentro da bolinha, quando sopramos, ela vai subindo... Mostrar que nenhuma é igual a outra, por que as pessoas e seus desejos, agradecimentos, etc, são diferentes.

Nenhum comentário: